A mais nova atração da Galeries Lafayette

Desde sua criação, a Galeries Lafayette sempre foi uma instituição inovadora. Antes mesmo de falarmos da nova atração e para você entender do que estamos falando exatamente, vale a pena dar uma volta ao passado deste verdadeiro monumento de Paris.

Em 1893, dois primos vindos da Alsácia, Alphonse Kahn e Théophile Bader se associam e adquirem um comércio de “novidades” no número 1, da Rua Lafayette, uma espécie de bazar de luxo . Assim, nasce a Galeries Lafayette.

Galeries Lafayette: a novidade na virada do século.

A direita o prédio principal onde surge a cúpula entre as ruas Lafayette e Morgador

Em outubro de 1912, com a compra de diversos comércios vizinhos, a loja é ampliada pelo arquiteto Ferdinand Chanut, conceptor também da famosa cúpula.

Este é o momento de aparição da Galeries Lafayette localizada atualmente entre as ruas Lafayette e Morgador, no Boulevard Haussmann.

1913 inovação não somente arquitetônica – Creche infantil para vendedoras da loja

Galeries Lafayette : um hino à Belle Époque  

Situada a quarenta e três metros de altura, a estrutura em metal da nova cúpula se apoia em dez pilares do então inovador material chamado concreto, dispostos em plano circular a partir do térreo da loja.

Louis Majorelle , reconhecido artista decorador da Belle Époque  e mestre no estilo Art Nouveau  projeta em seu ateliê siderúrgico as varandas e uma escadaria monumental, da qual hoje resta uma lembrança comemorativa.

Impressão 1920. Bibliothèque historique de la Ville de Paris.

Quanto aos maravilhosos vitrais, eles são obra do grande mestre Jacques Gruber.

Galeries Lafayette : uma atração incrível

Com a instalação temporária de uma nova passarela de 9 metros de comprimento, suspensa a 16 metros de altura, a Galeries Lafayette oferece ao seu visitante uma oportunidade de estar no meio da histórica e impressionante cúpula.


A quantidade de detalhes decorativos e a beleza são encantadores.

Visitar a Galeries Lafayette, além de desvendar as melhores tendências da moda e acessórios, oferece agora um momento inédito de diversão e admiração da história, elegância e estilo de vida à francesa.

O evento é temporário, mas a data para termino ainda não foi comunicada.

Acesso à passarela a partir do 3º piso da loja principal.

A grande loja oferece igualmente serviços de “detaxe”, desfiles de moda, assim como cursos de confecção dos renomados docinhos chamados macarrons tanto para adultos como para famílias.

Aberta de segunda a sábado das 10h às 20h
e, aos domingos, das 11h30 às 19h30.

Novidade: ateliê Queijos e Vinhos na Galeries Lafayette

Fico feliz em compartilhar com vocês a novidade e  excelente iniciativa da Galeries Lafayette. Agora, a loja que reúne as maiores e mais importantes marcas da França e do mundo sob sua maravilhosa cúpula, oferece também uma série de atividades turísticas com temáticas bastante francesas: ateliês culinários, desfile de moda, aulas de maquiagem e até atividades esportivas.

Acredito que todas as novas atividades organizadas pela loja encontrarão um franco sucesso junto aos brasileiros, mas aposto que os ateliês culinários sobre Queijos e Vinhos e confecção de Macarons se destacarão dentre a oferta. Fui provar o ateliê de Vinhos e Queijos e adorei.

Mas atenção, a atividade “Vinhos e Queijos” não é uma festa com “comes e bebes”  e sim uma verdadeira aula sobre a produção de diferentes vinhos e queijos do território francês, suas origens, seus sabores, como consumir os dois itens e como compor um cardápio adequado.

Aula com suporte de imagens

Uma viagem através da França em imagens
Uma viagem através da França em imagens

O assunto é extenso, assim após uma simpática apresentação pessoal, o especialista Thierry Givone preenche uma hora a meia explicando, com auxilio de recursos audiovisuais e gustativos (obviamente), a riqueza de ambas as matérias. O tempo passa rápido enquanto ouvimos particularidades sobre as técnicas de produção ou anedotas sobre a cultura, visionamos detalhados quadros informativos descobrindo a França em imagens e deliciamos simultaneamente o paladar.

Workshops by GL em Paris
Durante a degustação provamos 4 vinhos e 4 tipos de queijos, mas aprendemos como combinar a bebida com alimentos variados.

Os ateliers são ofertados em inglês e francês.  Suponho que a maioria dos brasileiros prefiram o ateliê em inglês. Visto as explicações minuciosas em imagens e a degustação não é necessário um nível altíssimo de compreensão do idioma, mas, sobretudo vontade.

Um programa imperdível para quem tem interesse pela cultura local e quer levar de volta ao Brasil não somente lembranças e boas fotos, mas, sobretudo conhecimento.