Posts com a Tag ‘mercado’

Maré chinesa

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Falei do Chile e, continuando na categoria c-h, falo da China…Uma das civilizações mais antigas do mundo, que já está se rendendo à opção moderna de turismo de lazer, os Cruzeiros Marítimos. A China parece ter decidido abrir, além do mercado, também seus portos – para o turismo – e já investe mais de US$ 150 milhões no terceiro terminal de cruzeiros, em Qingdao.

Aos poucos, a classe média chinesa está provando a experiência de viajar de navio; e as armadoras, claro, cada vez mais interessadas em conquistar um público singelo de aproximadamente 1,3 bilhão de habitantes.

O interesse chinês pelo setor de Cruzeiros cresce na mesma proporção que o número de passageiros. Resta-nos torcer para que não siga o mesmo ritmo de sua economia, com riscos de faltar navio para atender tanto turista e, obviamente, de o Brasil perder mercado!

Cruzeiros: o filão do profissional do Turismo

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Achei interessante a matéria divulgada pela Folha de S. Paulo que mostrou que, no primeiro trimestre deste ano, o Ministério do Trabalho concedeu 13 mil vistos temporários a estrangeiros. No ano passado, foram 56 mil. Pode parecer ruim aos olhos do mercado de trabalho nacional, mas é reflexo da crise de qualificação profissional no Brasil. Exemplo disso é que grande parte destes vistos foi concedida a tripulantes estrangeiros de Cruzeiros Marítimos.

Na última temporada, as companhias requereram 12.800 vistos para a tripulação estrangeira, e gastaram US$ 6 milhões e vários meses para consegui-los. Burocracia e gastos inacreditáveis, mas necessários, pois a mão de obra brasileira ainda é escassa nos navios de Cruzeiros que navegam pelo País. O principal empecilho: a língua estrangeira.

E os brasileiros qualificados, adivinhem? Grande parte vai trabalhar nos Cruzeiros internacionais, para desespero das companhias que precisam cumprir a cota de 25% de brasileiros nos navios que vêm para o nosso país. Sabemos que este tipo de trabalho é fundamental, pois contribui para a empregabilidade e qualificação da mão de obra, principalmente dos mais jovens que buscam o primeiro emprego. O trabalho nos Cruzeiros Marítimos é com certeza uma oportunidade incrível para aqueles que desejam seguir carreira no Turismo.

Por isso, reforço a importância dos Cruzeiros como filão de emprego para o profissional do Turismo e reitero a necessidade de se investir em outra língua. Afinal de contas, receberemos uma enxurrada de turistas estrangeiros daqui a três anos, para os Jogos Olímpicos. Ainda dá tempo de aprender um idioma!