Nova ligação aérea entre o Brasil e a França

Voando há mais de vinte anos entre o Brasil e o Cabo Verde, a TACV inaugurou ontem, dia 6 de fevereiro, seu mais novo vôo entre Paris e Fortaleza com escala em SAL. Em parceria com a Icelandair, TACV aumenta sua oferta permitindo inclusive aos clientes fazer um Stop Over em Cabo Verde e desfrutar também deste destino insular.  A empresa africana fundada em 1955 se orgulha de estar entre as cinco companhias aéreas de seu continente autorizadas a voar para os EUA, garantindo assim padrões de segurança internacionais e seus planos de crescimento para a América.

Durante um agradável encontro com Pedro Santos – o comercial da TACV na França aproveitou para me contar das recentes melhorias realizadas em matéria de pontualidade e reiterar as características e vantagens dessa mais nova ligação entre a França e o Brasil:

  • utilização de naves Boeing 757;
  • 2 freqüências semanais para FOR – terças e sextas-feiras;
  • possibilidade de conhecer dois destinos em uma só viagem;
  • serviços em português;
  • e tarifas competitivas são algumas das conveniências a serem aproveitadas!

    Icelandair foto Alasdair McLellan

A tarifa do vôo inaugural Paris/Fortaleza foi de 599€ por exemplo.

A empresa voa igualmente para Recife e pretende voar para Salvador. Fortalecendo o Hub em Sal e graças as possibilidades de Stop Over TACV aproveitará para servir também estas cidades brasileiras com seu vôo destino à Paris. Boa notícia para uma rota com tanta demanda e tão pouca oferta.

foto TACV  Juergen Lehle

Postagens relacionadas

Published by

Silvia Helena

Após breves passagens pela Faculdade Metodista de São Bernardo e Belas Artes de São Paulo, aos 18 anos fui estudar no Canadá, onde vivi durante 23 anos. Lá me formei em História da Arte pela Universidade de Montréal, estudei turismo no Collège Lasalle de Montréal e no Institut de Tourisme et Hôtellerie du Québec. Comecei minha carreira na área trabalhando em Cuba. Durante os anos vividos no Canadá, entre outras coisas, fui guia de circuitos pela costa leste e abri minha primeira agência de receptivo para brasileiros. Há dez anos um vento forte bateu nas velas da minha vida me conduzindo até França. Atualmente escrevo de Paris, onde vivo e trabalho dirigindo a empresa de receptivo, a Holatour.

2 thoughts on “Nova ligação aérea entre o Brasil e a França

  1. Silvinha, jeito carisonhoso de chamar esta mulher ,que de Silvinha não tem nada.Mulher forte,guerreira e grande profissional,sem contar com o lado cultura em pessoa. Sua bagagem
    pelo mundo lhe faz confiante e com muita convicção do que fala,pois fala do que conheçe.
    Durante sua permanencia no Canadá deu seu Sholl de profissionalismo e responsabilidade quando o assunto era trabalho e atendimento aos brasileiros que iam visitar este maravilhoso roteiro.Vendiamos tranquilos o destino,pois sabiamos que a Silvinha estava lá segurando á onda.
    O destino Paris,vendo com muita tranquilidade,pois sei que a profissional e super Silvinha está
    lá para atender os brasileiros com seu jeito culto e prossional ,que só uma pessoa que domina
    o destina como ela sabe atender,sem contar que fala á língua do povo,por ser uma brasileira
    que investiu e veste a camisa quando o assunto é trabalho.
    Como gostaria de ter uma Silvinha em todos os destinos,pois assim não teriamos tantos problemas com nossos clientes em viagem. Londres precisa urgente de alguém que faz uma prestação de serviço aos brasileiros,pois temos várias pessoas que dizem fazer,mais quando você procura por alguém,não existe.Destino lindo porém difícil de operar.

    1. Ester querida

      Nossa, que bom ler suas palavras!! Especialmente vindo de você, uma profissional que admiro tanto.
      Você sempre foi um exemplo para mim, temos a mesma idade, talvez eu seja até mais velha, porém aprendi tanto com você! Sou sua fã desde as primeiras vezes que te vi formando suas equipes, com sabedoria e garra. Cliente seu sabe o que compra porque você sabe vender, o que gera sempre satisfação e alegria, não somente para os passageiros, mas também para quem presta o serviço. Obrigada amiga, você me fez muito feliz com suas palavras. Você nem imagina como estava precisando delas hoje! Se Deus quiser chegaremos em Londres!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *