Vicky Cristina Barcelona

barcelona: filmes mostram vários lados da cidade

Na semana passada, diversos países europeus começaram a abrir suas fronteiras ao turismo. Mas, por enquanto, o fluxo é permitido apenas entre países da União Europeia e Reino Unido. Os brasileiros ainda terão de esperar. Enquanto isso, dá para “viajar” por meio do cinema a uma das grandes cidades mais procuradas no verão da Europa: Barcelona, na Espanha.

No Instagram: @rafaelatborges

Depois das séries que mostraram filmes sobre viagem, sobre o verão europeu e alguns que permitem conhecer Londres, chegou a vez da cidade catalã. É mais comum ver Barcelona em filmes espanhóis. Porém, aqui eu saí do óbvio e selecionei alguns longas produzidos também fora da Espanha.

A lista tem diretores consagrados e premiados, como Woody Allen e Pedro Almodovar. Grandes atores também estão incluídos na seleção, que tem dramas, comédia romântica e ação.

Barcelona atrai turistas pelo seu clima litorâneo, pela arquitetura peculiar e pela agitada vida noturna. Além disso, é berço de grandes nomes da gastronomia mundial. Vamos aos filmes?

A Barcelona de Almodovar em ‘Tudo sobre minha mãe’

Este é um dos meus filmes preferidos dirigidos pelo consagrado espanhol Pedro Almodovar. Além disso, é o único da lista não tem o espanhol Javier Bardem no elenco. O longa de 1999 traz entre os destaques Cecilia Roth e uma jovem Penélope Cruz.

Após a morte do filho, Esteban, Manuela (Roth) viaja de Madri a Barcelona, para dar a notícia ao pai do garoto. Lá, retorna ao universo do teatro, do qual fazia parte na juventude, por meio da amizade com uma grande atriz – interpretada por Marisa Paredes.

Antonia San Juan e Cecilia Roth

Madri é o cenário mais comum nos filmes de Almodovar. Nessa viagem a Barcelona, ele explora diversos pontos da cidade, desde seu lado mais obscuro aos locais mais turísticos. Entre os cenários, há o Cemitério de Montjuic, com esculturas modernistas, e o Cinema Coliseum, fundado em 1923.

Nesse cinema, foi projetado o primeiro filme sonoro da Espanha. “Tudo sobre minha mãe” venceu o Oscar de melhor filme estrangeiro em 2000.

O Franco-Atirador

O filme de ação tem locações em Cidade do Cabo, na África do Sul, Londres, Barcelona e Gibraltar. Por isso, poderia ser, mais que um filme de ação, um longa de viagens.

Na cidade catalã, uma das cenas é produzida na famosa Praça Real, próxima às Ramblas. Em um restaurante na praça, ocorre o reencontro do casal protagonista (Sean Penn e Jasmine Trinca).

O desfecho é em uma praça de touros, cuja fachada é a da arena de Barcelona que hoje abriga um museu. Na cidade catalã, já não há mais touradas.

Javier Bardem, Sean Penn e Jasmine Trinca em restaurante na Praça Real

O filme também usa vinícolas nas imediações da cidade como cenários. Em uma delas, se passa a principal cena de perseguição do longa.

Embora o filme seja uma ação que não foge do convencional nem traz grandes inovações, o elenco é estrelado. Além do bicampeão do Oscar Sean Penn, há Javier Bardem e Idris Elba.

Na trama, um matador (Penn) vai à Espanha à procura de pessoas que estão tentando matá-lo. Por lá, se encontra com um ex-colega de crime (Bardem).

No entanto, o personagem de Bardem agora casado com ex-namorada (Trinca) do protagonista. O filme é dirigido por Pierre Morel.

Biutiful

Dos quatro filmes da lista, três são de diretores premiados. Este foi dirigido por Alejandro González Iñarritu, bicampeão no Oscar – por Birdman e O Regresso. Além disso, Biutiful, filme de 2010, recebeu indicações na categoria filme estrangeiro e ator (para Javier Bardem).

Javier Bardem está em três dos quatro filmes sobre Barcelona

A Barcelona de Biutiful é obscura, mais distante de locais turísticos. Mas esses lugares também estão lá. Há, por exemplo, uma cena de perseguição nas Ramblas.

Uxbal (Bardem) ganha a vida com atividades ilícitas e tem uma família disfuncional. Após sentir dores, ele descobre que está com câncer e tem poucos meses de vida.

Vicky Cristina Barcelona

Faz parte da série de filmes que Woody Allen produziu explorando o lado turístico de cidades europeias. Além de Barcelona, essa série inclui as capitais da Itália (Para Roma, Com Amor) e da França (Meia-Noite em Paris).

No longa de 2008, Vicky (Rebecca Hall) e Cristina (Scarlett Johansson) são duas amigas norte-americanas que vão passar o verão em Barcelona. Lá, acabam se envolvendo com artista Juan Antonio (Javier Bardem).

Javier Bardem e Penélope Cruz em Vicky Cristina Barcelona

Além disso, a ex-esposa de Juan Antonio, Maria Helena (Penélope Cruz), também passa a influenciar a viagem das norte-americanas.

Os cenários de Barcelona são tão importantes no longa quanto a própria trama. Entre os locais visitados pelo filme estão a catedral da Sagrada Família, o bairro Gótico, a Casa Milà e o parque de Montjuic.

Teleférico de Montjuic tem belas vistas

Quatro vistas espetaculares pelo mundo

Enquanto as viagens pelo mundo ainda estão restritas, ou praticamente impossíveis, compartilhar imagens é um meio de conhecer, ou revisitar, locais espetaculares. Eu sou uma apaixonada por belas vistas, dessas que a gente só encontra no alto de edifícios, morros ou montanhas.

No Instagram: @rafaelatborges

Aqui, selecionei as mais legais que pude contemplar em meus últimos anos de viajante.

Santiago

Há alguns cerros, ou morros, em Santiago, que você pode explorar para ver do alto a capital do Chile. Minha vista preferida foi no restaurante cujo nome é exatamente o que oferece: Vista.

O Vista Santiago fica no Cerro San Cristóbal. É rodeado por vidros, pelos quais se observa uma vista panorâmica da cidade, e tem também uma varanda, ideal para o por do sol.

Quem vai ao Vista pode observar vários bairros da cidade, como Providência, além do edifício mais alto de Santiago, o Costanera, que se destaca na paisagem.

E, claro, por lá você também terá um belíssimo visual da Cordilheira dos Andes, que pode ser observada em diversos pontos de Santiago. Por causa da pandemia, o restaurante está fechado temporariamente. Mas vale se programar para quando pudermos voltar às viagens.

LEIA TAMBÉM

Barcelona e suas vistas

A cidade catalã também oferece diversos locais para se ter vistas extraordinárias. Entre eles, o mais famoso é o Park Guell. Já em Montjuic, a paisagem começa a tomar forma no teleférico que dá acesso ao local.

A atração fica na avenida Miramar, número 30, mas está temporariamente fechada. Dá também para acessar o Montjuic de carro ou transporte coletivo. Por lá, há uma vista panorâmica da cidade, com destaque para os bairros litorâneos e o porto.

Quem visita Montejuic pode aproveitar para conhecer as outras atrações da região, como o Jardim Botânico e o Parque Olímpico – herança que os jogos de 1992 deixaram para a cidade.

Londres

De um lado, a famosa London Bridge. Do outro, a Abadia de Westminster, o Parlamento e a roda-gigante London Eye. Em cada ponto do hotel Shangri-La, há vistas para as principais atrações às margens do Tâmisa.

Não é preciso se hospedar no hotel, que fica no edifício The Shard, em Southwark, na margem sul do Tâmisa. Basta visitar o restaurante, ou o bar do Shangri-La.

Outro meio de desfrutar dessa vista é ir ao observatório do edifício The Shard, que fica entre os andares 68 e 72. A atração está temporariamente fechada, mas o preço dos ingressos antes da pandemia eram de 25 libras.

Cidade do Cabo

A Table Mountain é presença constante na cidade do Cabo desde o momento em que se sai do aeroporto em direção à cidade. Há vários pontos onde se pode visualizá-la. Um dos mais legais é Signal Hill.

A partir do morro, a Table Mountain pode ser observada em ângulos ainda mais belos que os vistos em outras partes da cidade. Além disso, podemos enxergar boa parte do litoral, e ver saltos de praticantes de parapente, que sobrevoam as montanhas nas imediações formando uma bela paisagem.

HB4116
Doce veneno

Filmes sobre o verão europeu para curtir na quarentena

Para quem planejava passar o verão na Europa, esta seria a hora de começar a organizar a viagem. Mas a quarentena imposta pelo coronavírus em diversos países pelo globo acabou deixando os planos de férias em segundo plano. Que tal, então, visitar badalados destinos do verão europeu por meio do cinema?

No Instagram: @rafaelatborges

Fiz uma seleção de filmes cujos cenários são na Grécia, Monte Carlo, Provença, Ibiza e Barcelona, entre outros hot spots do verão na Europa. Há longas muito bons, e outros que valem não pela história, mas pela imersão nesses locais.

Os gêneros também são bastante variados, do drama à comédia, com altas pitadas de romance. São dez filmes: “Ibiza – Tudo pelo DJ”; “Amnesia”; “Vicky Christina Barcelona”; “Magia ao Luar”; “Um Bom Ano”; “Doce Veneno”; “Monte Carlo”; “Mistério no Mediterrâneo”, “Me Chame pelo Seu Nome” e “Mamma Mia”.

Separei a seleção por destinos. Todos estão disponíveis em streamings, gratuitamente ou por meio de aluguel.

O VERÃO EUROPEU EM IBIZA

Já assisti dois filmes que têm Ibiza, a meca da badalação embalada por música eletrônica, como cenário. Ambos mostram o estilo de vida agitado dessa ilha espanhola. Mas há espaço também para os magnifícos cenários do destino.

“Ibiza – Tudo pelo DJ” (filme de 2018), original do Netflix, é sobre um trio de amigas que vai a Barcelona. Uma delas se apaixona pelo DJ de uma casa noturna, e as garotas acabam partindo para Ibiza em busca dele.

Richard Madden está em ‘Ibiza – Tudo pelo DJ’

A história é boba, até meio pastelão, mas faz uma imersão bem realista nas baladas de Barcelona e Ibiza. E tem o britânico Richard Madden, o Rob Stark de “Game of Thrones”, como protagonista masculino. Dá para passar o tempo.

Já Amnesia é um belíssimo filme alemão de 2015, que está disponível para aluguel no Now. Jo é um DJ que chega a Ibiza para tentar se dar bem na carreira, logo após a queda do Muro de Berlim. Lá, acaba desenvolvendo uma bonita relação com uma mulher bem mais velha, sua conterrânea, a misteriosa Martha.

Amnesia, filme alemão de 2015

Além de oferecer uma bela história, Amnesia explora muito bem as belezas naturais de Ibiza. No elenco está Bruno Ganz, do aclamado “A Queda – As últimas horas de Hitler”. O ator, falecido em 2019, é responsável pela cena mais forte do longa.

BARCELONA

Woody Allen faz uma verdadeira homenagem ao verão na capital da Catalunha em “Vicky Christina Barcelona”, de 2008. Duas amigas americanas, interpretadas por Scarlett Johansson e Rebecca Hall, estão curtindo o verão em Barcelona e acabam se envolvendo com Juan Antonio (Javier Bardem).

Juan tem uma tumultuada relação com a ex-mulher, Maria Elena (Penélope Cruz), que levou o Oscar de melhor atriz coadjuvante pelo excelente papel.

Scarlett Johansson no verão de Barcelona

O longa é uma imersão nas atrações turísticas, boêmias e culturais de Barcelona, com direito a uma pequena (e bela) apresentação embalada pela guitarra espanhola.

“Vicky Christina Barcelona” está disponível no Locke e para aluguel no Google Play.

FRANÇA

Mais uma vez, Woody Allen explora o verão europeu em um de seus ótimos filmes. Nesse caso, “Magia ao Luar”. O longa de 2014 com os vencedores do Oscar Emma Stone e Colin Firth usa e abusa dos cenários da Riviera Francesa.

‘Magia ao Luar’ tem Colin Firth, Emma Stone e a Riviera Francesa

As locações são em Nice, Antibes, Menton e Juan-les-Pins, entre outros locais da paradisíaca Côte d’Azur (costa azul). A divertida história é sobre um ilusionista (Firth) que recebe uma missão: desmascarar uma suposta médium que pode estar tentando enganar uma família rica.

O longa de Woody Allen está disponível no Amazon Prime, Telecine Play e GloboPlay.

Já “Um Bom Ano” coloca em evidência o estilo de vida lento, bucólico e regado a ótimos vinhos da Provença. Os principais cenários estão no Luberon, o parque que reúne vinícolas e diversas cidadezinhas de arquitetura provençal.

Um executivo britânico workaholic interpretado por Russell Crowe recebe de herança do tio uma vinícola no sul da França. Ele vai até a região para tentar vendê-la, e acaba se encantando com a bela francesa interpretada por Marion Cottilard, que trabalha em um restaurante na bucólica vila de Gordes (onde estão os principais cenários).

O filme está disponível no Claro Vídeo e no Locke.

‘Um Bom Ano’ tem cenários no Luberon, na Provença

Já o francês radicado no Brasil Vincent Cassel é uma das estrelas de “Doce Veneno” (2016). Mas é ofuscado pela beleza da região de Córsega, onde se passa o longa.

No filme, disponível no Telecine Play, são mostrados os belos cenários de Córsega, formado pelo mar esverdeado, cânions e montanhas. Há também uma imersão no estilo de vida da ilha, com seus restaurantes, clubes de praia e festas embaladas por música eletrônica.

LEIA TAMBÉM

Cassel atua ao lado do excelente François Cluzet, de “Os Intocáveis”. Seus personagens são melhores amigos, e viajam juntos a Córsega, acompanhados de suas filhas.

Porém, o personagem de Cassel acaba despertando a paixão da filha de Antoine (Cluzet). A comédia francesa, embora prometa mais do que cumpra, é bastante divertida.

MÔNACO

O principado independente no meio da Riviera Francesa desperta fascínio e é cenário de algumas obras do cinema. Porém, quando o assunto é Mônaco no verão, há uma comédia meio pastelão e um romance adolescente, que podem não agradar a todos – embora tenham a sua graça.

Ainda assim, valem para quem quer explorar cenários de Mônaco por meio do cinema. “Monte Carlo”, de 2011, traz ainda um bônus: Paris.

‘Monte Carlo’: destinos coloca turistas americanas no Hotel de Paris, com tudo pago

Três adolescentes norte-americanas fazem uma viagem bem turística e muito econômica a Paris. Porém, acabam recebendo um empurrãozinho do destino e vão parar na suíte em de um dos hotéis mais badalados do mundo, o Hotel de Paris, em Monte Carlo.

Por lá, experimentam uma vida de extremo luxo, com direito a barcos, competições de polo e até contato com a nobreza europeia. O filme está disponível no Amazon Prime e para aluguel no Google Play e Apple Store. O elenco traz Selena Gomez e Leighton Meester.

“Mistério do Mediterrâneo”, original do Netflix de 2019, reúne os comediantes Jennifer Aniston e Adam Sandler em uma lua de mel fora de época. Em vez de cumprirem o roteiro original, conhecem um bilionário francês no voo para a Europa, e se tornam hóspedes do novo amigo em um luxuoso yatch com destino a Mônaco.

Aniston e Sandler em ‘Mistério no Mediterrâneo’

Porém, o casal norte-americano acaba envolvido em uma trama de assassinato.

GRÉCIA/CROÁCIA

A lista na verdade tem 11 filmes, pois “Mamma Mia” tem dois capítulos (“Mamma Mia – Lá Vamos nós de novo”). E com cenários paradisíacos diferentes.

Tanto no primeiro quanto no segundo filme, a ação é na mesma ilha fictícia da Grécia. No primeiro, as principais locações são na praia de Kastani, na costa sudoeste daquele país.

“Mamma Mia” (2008) é a história de Sophie (Amanda Seyfried), que às vésperas de seu casamento quer saber quem é seu pai, informação nunca revelada pela mãe Donna (Meryl Streep). Porém, acaba descobrindo que há três candidatos, interpretados por Pierce Brosnan, Colin Firth e Stellan Skarsgard.

Colin Firth e Amanda Seyfried em “Mamma Mia” (2008), na Grécia

“Já Mamma Mia – Lá Vamos Nós de Novo” mantém a lista de personagens, mas visita a juventude de Donna e seu encontro, 25 anos antes, com os três candidatos a pais de Sophie. Por isso, o elenco ganha o reforço de novos nomes, como Lily James, a jovem Donna.

O cenário é, teoricamente, a mesma ilha fictícia do primeiro filme. Porém, desta vez as locações foram na Croácia, principalmente na ilha de Vis.

Os dois filmes estão disponíveis no Telecine Play e para aluguel no Google Play e Apple. O primeiro “Mamma Mia” também pode ser visto no Netflix.

Lily James na sequência de “Mamma Mia”, gravada na Croácia

ITÁLIA

O belíssimo “Me Chame pelo Seu Nome”, de 2017, é a história de um pesquisador norte-americano que vai fazer uma espécie de estágio de verão com um renomado professor francês, do qual se hospeda na casa de veraneio, na Itália.

O personagem, interpretado por Armie Harmer, acaba despertando a paixão do jovem Elio (Timothée Chalamet). O filme se passa nos anos 80 na região da Lombardia, na Itália.

‘Me Chame pelo Seu Nome’ explora a Lombardia, na Itália

As principais locações são na cidade de Crema, mas há também cenários em Bérgamo. Além disso, o filme explora as regiões rurais da Lombardia.

“Me Chame pelo Seu Nome” está disponível no Telecine Play, e para aluguel no Google Play e Apple.