EMPRESAS PRIVADAS QUE DESPERDIÇAM MILHÕES

Tudo bem que a pesquisa da GBTA Foundation, patrocinada pela HRS, e divulgada no Portal Panrotas, cobre o mundo inteiro e não somente países em crise econômica…

Mas o fato é que desperdício de dinheiro é algo inimaginável nos dias de hoje, tanto em cenários estáveis quanto mais em ambientes econômicos recessivos, em especial considerando as tecnologias disponíveis, aqui e lá fora, para evitar este tipo de descontrole de gestão.

Em média, 3 mil horas de trabalho por ano são gastos (ou desperdiçados) pelas grandes empresas, com o mais puro, simples e desnecessário retrabalho de correção de relatórios de despesas !!!

Este dado, por si só, já é alarmante, mas a pesquisa mediu também o desperdício médio de dinheiro com este reprocesso: R$ 2 milhões por ano !

O comentário de Joseph Bates, VP da GBTA Foundation, é conclusivo: “Com a rápida introdução de novos produtos financeiros na indústria de viagens, as companhias deveriam avaliar suas práticas atuais e necessidades dos seus negócios para garantir que estão trabalhando tão eficientemente e de olho nos custos quanto possível”.

O mais revelador desta afirmação é a expressão “Com a rápida introdução de novos produtos financeiros na indústria de viagens,…” que confirma recente movimentação das TMCs no Brasil, seguindo tendência mundial, no sentido de oferecerem consultoria de gestão de despesas corporativas às empresas clientes de gestão de viagens.

Nada mais natural, este movimento cresce rapidamente por aqui, liderado por agências de gestão de viagens corporativas mais antenadas nas necessidades de seus atuais clientes e, mais do que isso, de olho na prospecção de novos negócios.

O campo de jogo está montado, os juízes entraram em campo, alguns jogadores estão prontos, outros estão se aquecendo e alguns ainda tentam entender as regras do jogo, mas a torcida está lá, ansiosa por consumir o melhor espetáculo…

Mostrem seu jogo, senhores, a partida está só começando !

.

Obs.: Clique aqui para ler a matéria do Portal Panrotas sobre a pesquisa da GBTA Foundation.

Published by

Luís Vabo

Entusiasta da inovação, do empreendedorismo e da alta performance, adepto da vida saudável, dos amigos e da família, obstinado, voluntário, esportista, apaixonado e exagerado.💲Presidente do Reserve ✈️ Sócio da Solid 🚁 Sócio da MyView 🔌 Sócio do Ligaí VP da Abracorp e da ABAV Nacional.

2 thoughts on “EMPRESAS PRIVADAS QUE DESPERDIÇAM MILHÕES

  1. Luís,

    Pensei sobre o que escreveu e vejo isso nos olhos dos CFOs, CEOs, CIOs e afins. Sistemas de Gestão de Despesas e Viagens Corporativas soam como diamantes que brilham quando mostrados a estes executivos.

    Mais interessante é ver a corrida das empresas de consultoria para entenderem este ralo aberto por onde se esvaem milhões de dólares (falemos em moeda forte) em equipes, sistema retalhados, retrabalho e pequenas “fraudes” corporativas. E pior, vendo que ERPs não estão prontos para prover estas soluções.

    Em tempo de crise, a única forma de compensar vendas em baixa é fechar os ralos.

    Bom texto e referências.

    Abraços,

    1. É isso, Danilo,

      Legal ver que uma pesquisa isenta, como esta do GBTA, comprova tudo aquilo que percebemos a abordamos em nosso trabalho no dia-a-dia.

      As empresas estão atentas, a escassez de recursos e a crise de oportunidades sensibilizam para a redução dos desperdícios.

      []’s

      Luís Vabo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *