Principais Tendências das Viagens de Luxo

Costumo acompanhar todos os principais estudos de Turismo de Luxo do mundo, pois faço muitos treinamentos e dou aula sobre o assunto. Vários foram lançados nos últimos meses, como Virtuoso, Skift, MMGY Global, Euromonitor, Colliers, American Express, ILTM, e outras.

Unindo às palestras da recente Travel Week Latin America, muitas tendências e novas informações chegam ao mercado. Um ótimo refresh em ideias ‘casadas’ sobre o que o viajante de luxo quer.

Fiz um compilado abaixo, que serão aprofundadas no curso ‘Gestão e Estratégias do Turismo de Luxo‘, da ESPM. Não deixe de ver abaixo do post minhas 3 dias para você se inteirar ainda mais sobre esse maravilhoso mundo das viagens de alto padrão.

Vamos lá…

  • Mercado de luxo cresceu 4% em 2016, chegando a USD 1,06 Trilhões. No Brasil, ainda temos 56,3% dos milionários latino-americanos, segundo o Banco Central.
  • Os Millenials gastam 8% a mais em itens de luxo, incluindo viagens, em 2017. E os Millenials latino-americanos ficam mais tempo em suas viagens e adoram celebrações.
  • Luxo não está mais na escadaria de mármore ou interiores folhados a ouro, mas uma volta às raízes, ao raro, único e repleto de valor emocional. Uma experiência significativa tem mais valor que uma nova bolsa de marca. Boa notícia para a indústria do turismo.
  • Aplicativos, nesse segmento, são como vitaminas. São bons, mas não mudam a vida.
  • 3 Novas tendências: SIGNIFICADO, SIMPLICIDADE e TRANSFORMAÇÃO, todas com gatilhos emocionais e especificações psicográficas.
  • Os viajantes ‘high end’ não querem só ser ‘mimados’. Eles querem se CONECTAR.
  • Hotéis e destinos tradicionais perdem espaço, e Ásia, África e América do Sul passam a despertar a curiosidade dos jet setters do Século XXI.
  • Novas definições do luxo em viagens: EXPERIÊNCIAS, PERSONALIZAÇÃO e LOCALISMO. Quem quiser se destacar nesse mercado, deve focar nesses três conceitos e em experiências de imersão.
  • A AUTENCIDADE é uma grande palavra no luxo, mas ela deve seguir o padrão mínimo do setor, com todo o conforto, estrutura e tecnologia que esse consumidor tem na sua rotina diária.
  • 60% das pessoas querem viagens que lhe dêem uma nova perspectiva de mundo. A palavra aqui é TRANSFORMAÇÃO.
  • Maior desafio: convergência online/offline, como já revelado no estudo sobre o impacto do Instagram na escolha de hotéis pelos Millenials.
  • Aumento considerável da compreensão por parte do viajante de alto padrão em comprar seguro viagem.
  • Confiança cada vez maior nos consultores de viagens. Se destacarão aqueles que podem combinar o elemento humano com usos inovadores da tecnologia. A intenção da contratação de uma agência de viagens aumentou 110% entre os consumidores desse segmento, e 79% de crescimento em 2016. O Diferencial das agências inteligentes definitivamente será a atuação como Concierges. Mas é preciso ter cuidado com o ‘Complexo de Mordomo’, que acontece muito no Brasil, onde o prestador de serviços se acha mais importante (chegando a se tornar arrogante) que o cliente.
  • Agências e hotéis redefinem suas culturas e identidades individuais para alinhá-las com clientes específicos.
  • Marketing Multicanal assimilado do mundo da moda, com conteúdo online. Exemplo é a plataforma de ecommerce Clos19, da LVMH, que se baseia em lifestyle e dicas para proporcionar momentos exclusivos e elegantes desde a escolha de vinhos, até a história de vinhedos, e recomendações de destinos de luxo, entre tantas outras.
  • As viagens de família (ou turismo multigeracional, para quem gosta de falar bonito) ganham uma nova dimensão, com atividades mais ativas e imersivas.
  • BEM ESTAR é o mainstream do turismo de alto padrão, lembrando que ele é composto por SAÚDE, CONFORTO e FELICIDADE. 49% dos Millenials dizem que academias são uma das facilidades mais importantes de um hotel. E o resultado já é notado, sendo que 85% dos hotéis já tem esse diferencial hoje em dia, comparado aos 63% de 2004.
  • Iniciativas eco-friendly, que permitem a diversão dos hóspedes enquanto apoiam esforços de sustentabilidade dos hotéis ou dos destinos. Como esquecer a experiência que vivi no Unique Garden, quando minha filha plantou uma árvore, e todo ano recebemos uma linda mensagem com a foto da nossa árvore e o quanto ela está crescida.
  • SPAs crescem 9% em 2016. A previsão para 2017 é ainda mais crescimento, mas é preciso a atenção para tratamentos cada vez mais conectados com a cultura local. Exemplo: Ritz Carlton de New Orleans lançou recentemente o ‘Voodoo Ritual’
  • Cuba e África estão em alta, e Eastern Europe continua oferecendo um excelente valor x preço para esse tipo de viajante também.

Principais motivações de viagem

  1. Estar em família; viagens multigeracionais
  2. Viagens de celebração
  3. Viver experiências exclusivas/cruzeiros de luxo
  4. Lua de mel e destination wedding
  5. Viagens com propósitos específicos (culinária, vinhos, cultura, cinema)/viagens em grupos

Como os brasileiros estão viajando                                 

  1. Viagem internacional de uma semana
  2. Viagem internacional de duas semanas ou mais.
  3. Viagem nacional de uma semana
  4. Viagem internacional de 3 a 5 dias
  5. Viagem nacional de 3 a 5 dias

Você é um apaixonado pelo tema assim como eu, então seguem 3 convites:

  1. Siga o grupo no Facebook ‘TURISMO DE LUXO, que está chegando em quase 6.000 participantes.

2. Venha assistir gratuitamente a palestra ‘O Futuro da Hospitalidade‘, dia 19/05 das 19hs às 22hs, em SP, organizado pelas referências de hospitalidade de luxo no mundo, as Universidades de Glion e Les Roches. para receber mais informações e a ficha de inscrição, é só mandar um email para contato@gabrielaotto.com.br

3. Se inscreva no curso ‘Gestão e Estratégias do Turismo de Luxo‘ da ESPM SP, dias 28 e 29/07, que já está na 15ª edição, sempre com sala repleta de profissionais de vários segmento da indústria. Inscrições abertas.
========================

Leia também:

Postagens relacionadas

Published by

Gabriela Otto

Gabriela é formada em Comunicação Social pela PUC/RS, Pós em Marketing pela ESPM, MBA Executivo pela FAAP/SP, Leader Coach (Personal e Professional) pela Sociedade Bras. de Coaching, além de inúmeros cursos de qualificação profissional, incluindo 2 certificações internacionais como Leadership Development Trainer e Business Impact Leadership Facilitator. Tem mais de 20 anos de experiência em empresas de grande porte como Caesar Park, InterContinental, Sofitel Luxury Hotels e Worldhotels, sendo a executiva responsável pela divisão América Latina nas duas últimas, o que lhe deu profundo conhecimento sobre gestão de pessoas, luxo e comercialização hoteleira. Além de CEO da GO Associados desde 2010, aceitou o convite para ser Presidente da HSMAI Brasil (Hospitality Sales and Marketing Association International) em 2014, é a principal Palestrante sobre Turismo de Luxo do país, Professora da Educação Executiva da ESPM, Criadora de renomados cursos como “Gestão e Estratégias do Turismo de Luxo” e “Revenue Management e Distribuição Hoteleira”, Articulista de diversos sites, e Blogueira desde 2008.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *