A Guerra dos “Rib Eyes”!

imagesQuando se fala em “steak”, não podemos deixar de mencionar a maturação da carne, aqui chamada de “dry aged”. Em poucas palavras este é o processo de envelhecimento da carne, que em temperaturas controladas tem as fibras quebradas proporcionando maciez e aumento do sabor. Quanto maior o tempo de maturação maior o preço e qualidade do “steak”. Em média de 2 a 3 semanas. Acima disso são os “top of the Line” e não tão fáceis de serem encontrados. Outra coisa que você deve ficar atento, é sobre a procedência e certificação da carne. Esta informação deve estar listada no cardápio e seguramente será um ponto de venda do restaurante que você escolher.

Vamos agora conhecer nossos competidores:
Nossa primeira parada fala em tradição. “Ocean Prime” foi assunto do meu primeiro blog, aquele que a gente nunca esquece. Não é o mais luxuoso, nem o mais novo, mas mantem o padrão, não só na comida, mas no serviço. Para quem não está no “rib eye mode” a seleção de peixes e frutos do mar é excelente. Boa carta de vinhos e preços justos.

header-orlando (1)
Segunda parada vamos ao Disney Springs na novíssima STK. A marca que está presente nos principais centros urbanos do mundo, tem uma decoração moderna, luxuosa e cheia de energia. Com um DJ no salão e luzes coloridas o lugar é cheio de “vibe”. Se é isso que você está procurando estará no lugar certo.

2016-06-08-PHOTO-00000099
Terceira parada, Internacional Drive – Del Frisco’s – Embora seja novidade em Orlando, a marca tem mais de 20 anos. Especialistas em carnes e cozinha “gourmet”, tem uma seleção de entradas e sobremesas maravilhosas. Além da decoração belíssima com um pé direito imponente, a carta de vinhos é um “show” à parte. São mil e duzentos títulos de todos os tipos, regiões e preços. Muito bom espaço para eventos e tanto a comida como o serviço foram nota dez.

2016-06-08-PHOTO-00000071
Quarta e última parada. “Bull & Bear”, dentro do Waldorf Astoria, foi criado a imagem do original em Nova Iorque. Restaurante é pequeno e de alto nível. É o lugar que você vai encontrar o melhor “TOMAHAWK” de Orlando. Trata-se de um “rib eye” de um quilograma, maturado por trinta e um dias e que é cortado e finalizado ao lado da sua mesa. A carta de vinhos vem com títulos raros de vinícolas exclusivas e o restante do cardápio é especial. Ir lá uma vez apenas não será suficiente.

2. Bull&BearSteakhouse_lr
Escrever esse blog foi mais difícil que eu imaginei. Tinha separado quatro restaurantes que achei mais significativos, os quais descrevi acima, porém, cada vez que lembrava de detalhes, mais e mais “steak houses” vinham na minha mente para comentar. Aguarde em um futuro próximo “A guerra dos Rib Eyes – Parte 2”.
E se você pensou que só o Fred Flintstone era capaz de um encarar um grande filé de brontossauros, talvez você possa se surpreender…

 

aa blogA5261B08-4562-430B-B02C-B8B81191B09E Quem ganha essa guerra? Eu, você e todos os amantes da boa mesa.

Uma boa e suculenta semana a todos.

Direto de Orlando!

Published by

Claudia Menezes

Vice-presidente da Pegasus, companhia de transporte e receptivo na Florida desde 2001. Presidente do comitê de Vendas e Marketing Internacional do “Visit Orlando” 2014 a 2016. Membro dos comitês internacionais do “Visit Florida” e “SYTA” (Associação de viagens de jovens estudantes). Morando em Orlando desde 1996, é apaixonada pelo destino que cresce e se reinventa a cada dia.

22 thoughts on “A Guerra dos “Rib Eyes”!

    1. Olá Nilda

      Quando tiver oportunidade prove a carne com 50 dias de maturação
      É raro encontrar e merece um bom cabernet sauvignon

      Vale a pena

      Bjs

      Claudia

      1. Gostei muito também. Bom saber que temos a oportunidade de degustar um bom steak em Orlando. Já está agendado para próxima viagem. Bjos Mandari.

    1. Eu sei que Você ficou fã do ribeye. E agora respondendo seu comentário também estou com água na boca.

      Bjs

      Claudia

    1. Eu sei que Você ficou fã do ribeye. E agora respondendo seu comentário também estou com água na boca.

      Bjs

      Claudia

  1. Oi, Claudia,

    Adorei a leveza do texto, a maciez e o sabor das carnes e a variedade da carta de vinhos 🙂

    Mas ficou uma dúvida: você conseguiu mesmo devorar este Tomahawk ???

    1. ahaaaaa! Ficou curioso!

      Ainda vou ter que treinar muito para entrar no “Hall of Fame” Por enquanto, divido o pedido mas fico com a parte do ossinho.
      Obrigada pelo comentário.

      Claudia

  2. Oi, Claudia,

    Adorei a leveza do texto, a maciez e o sabor das carnes e a variedade da carta de vinhos 🙂

    Mas ficou uma dúvida: você conseguiu mesmo devorar este Tomahawk ???

    1. ahaaaaa! Ficou curioso!

      Ainda vou ter que treinar muito para entrar no “Hall of Fame” Por enquanto, divido o pedido mas fico com a parte do ossinho.
      Obrigada pelo comentário.

      Claudia

  3. Olá Claudia,

    Adorei as dicas, realmente Orlando é muito mais que só os parques e fast foof. Obrigado pelas dicas.

    Beijos,

  4. Olá Claudia,

    Adorei as dicas, realmente Orlando é muito mais que só os parques e fast foof. Obrigado pelas dicas.

    Beijos,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *