Uma Colmeia Gigante

É chegada a hora dos posts sobre o fim de ano em Paris.

Sim, muitos posts sobre essa época incrível, que oferece tradicionalmente inúmeras opções de lazer, muito brilho e glamour. Em nenhum outro momento do ano Paris faz tanto jus ao apelido “cidade luz”.

Os “pisca-pisca” nas ruas já estão instalados aqui e ali, os Champs Elysées e a Rue Montaigne estão iluminados, os mercadinhos de Natal montados… Em pleno novembro o clima de Natal já invadiu a cidade.

E como não poderia deixar de ser, a primeira tradição natalina da cidade que fui ver foi a decoração da Galeries Lafayette. A criatividade renovada ano após ano me atrai e a beleza do local me rejuvenesce, admirando essas decorações fico feliz como uma criança.  

Neste fim de ano a grande loja se transformou numa colmeia fantástica. No seu interior, os frescos dourados se transformaram em mel, as alcovas em alvéolos e a cúpula num céu sob o qual reina uma árvore de Natal gigante, majestosa e original.

Em volta da árvore abelhas voam entre luzes, em seu sopé turistas se amontoam para imortalizar o momento. No topo, admiram de perto graças a passarela suspensa. A cada trinta minutos a cena se anima e as abelhas “voam de verdade”!   

Na calçada as pessoas diminuem o passo para observar as abelhas se mexendo nas vitrines, turistas e seus filhos aproveitam da calmaria para posar e tirar fotos visto que as crianças francesas estão na escola.  

Nos retângulos de vidro, frente a plateia de passantes, a colmeia se ativa e cada abelha parece ter um papel importante a cumprir durante os preparativos do Natal. Tudo um encanto só!

Além disso, para completar o espírito de festas, situada no terraço do sexto andar, uma pista de patinação oferece aos visitantes um momento único de diversão: patinar apreciando uma das mais belas vistas da cidade. Alegria garantida para os pais e suas abelhinhas.

foto concedida- Galeries Lafayette

E como imagens valem mais do que palavras…

A loja fica aberta de segunda à sábado de 09:30 até 20:30h 
& domingos de 11:00 até 20:00h

Proposta de paralisia do país emerge das redes sociais

Uma proposta de paralisia completa do país emerge das redes sociais. Há alguns dias, graças a um movimento iniciado a partir do Facebook, os belgas e franceses decidiram se revoltar contra o aumento do preço do diesel e da gasolina.

Uma iniciativa popular

De maneira inusitada, sem o apoio habitual dos fortíssimos sindicatos, a população tomou conta da situação e se mobilizou criando várias páginas facebook e através delas  estão veiculando a proposta de um bloqueio de estradas em diversos pontos do país. Apesar da ausência dos sindicatos, alguns comunicados afirmam que pequenos empresários apoiam o movimento.

De fato, segundo uma sondagem realizada por France Info e Odoxa, mais de três quartos dos franceses (78%) acha justificado o apelo de bloqueio das estradas em protesto ao aumento do combustível.

Em um ano, o preço do diesel aumentou 23% e o da gasolina 15% chegando a média a 1,51 euros o litro na semana passada. E o governo promete mais aumento em poucos meses.

A explicação do governo Macron

Esses aumentos tem como explicação a “Transição Ecológica“. Traduzindo: O governo quer que o cidadão use o carros elétricos. Precisamos diminuir nossa emissão de gás de efeito estufa… A Renault tem uma frota pronta para entrega. Paralelamente o governo quer  manter e fortalecer suas usinas de produção de energia nuclear, gravemente ameaçadas pelo antigo governo socialista.  Todos esses carros novos vão precisar de eletricidade!

Da Gazolina para o Diesel e do Diesel para Eletricidade

Anunciado nos anos 80 como A solução ao problema a crise do petróleo e subvencionado pelo governo, o diesel foi adotado por milhares de franceses esperançosos em diminuir seus gastos de locomoção. Porém acusado hoje de ser mais poluente, o carro a diesel  começa a ser “boicotado” pelo próprio governo numa espécie de política punitiva. Punitiva para o cidadão comum, não para a Renault ou a EDF, semi estatal que fabrica eletricidade graças a energia nuclear, é claro.

Os riscos para os manifestantes

Os manifestantes que bloquearem estradas correm os riscos já anunciados pela imprensa e reiterados nos sites organizadores:

 2 anos de prisão

€ 4.500 multa

6 pontos na carteira de motorista.

Ainda nos sites organizadores é explicado que o governo não poderá agir contra todos os manifestantes, mas talvez escolham aleatoriamente alguns participantes para dar o exemplo de seu poder.

Um dia para visitas a pé

Não é possível saber se a França e a Bélgica pararão, mas na dúvida, sugira a seu cliente andar a pé pela cidade neste dia.

A jaqueta de segurança amarela virou símbolo do movimento. Siga os links para ver o mapa da mobilização e como os franceses estão se organizando. Ou se deseja uma idéia do tamanho do movimento busque no Facebook Blocage 17 novembre 2018 .

Blocage Paris 17 novembre

Mapa dos pontos de paralisia

https://www.facebook.com/blocage17novembre/

Mapa dos pontos de paralisia France Info

Natal em Paris, programação completa

A cidade luz oferece uma série de opções para passagem de ano, já para o dia de Natal a coisa é um pouco diferente. Para a ceia natalina muitos turistas são obrigados a contar com a cozinha dos hotéis onde estão hospedados, pois a maioria da população está em suas casas participando a reuniões familiares. Por essa mesma razão, a cidade fica também muito calma dia 25 de dezembro.

Então, pensando nos brasileiros que estarão aqui neste momento, preparei uma lista de sugestões para deixar o Natal em Paris ainda mais especial.

Dia 23: Para começar o período de festas vivendo uma total imersão no espírito natalino nada melhor e mais bonito do que uma visita ao castelo Vaux-Le-Vicomte, enfeitado especial e brilhantemente para a ocasião. As imagens abaixo são de 2015.

Dia 24: Últimas compras natalinas, hora de usar e abusar dos vouchers de descontos e brindes que as melhores lojas de Paris oferecem aos brasileiros através do receptivo Holatours e encontrados também on-line (brasileirosemparis.com)

Dia 24: Ceia de Natal: Restaurante Cesar, por acaso o restaurante preferido das estrelas do futebol brasileiro em Paris é também meu preferido. O restaurante é realmente ótimo, começou a abrir para o Natal a meu pedido oito anos atrás, quando ainda não era conhecido, para receber clientes brasileiros. Solicitei ao proprietário Medhi, presente nas imagens abaixo, a abertura para as festas de Natal e Ano Novo em busca de opções accessíveis. Em 2009 chegou a ter 120 clientes brasileiros na sala durante o Réveillon de Ano Novo. Para concluir, podemos dizer que o lugar passou no teste de qualidade.

Diga-se de passagem, os tiramisus de morango e de manga são de longe os melhores tiramisus da cidade.

Dia 25 : EuroDisney, a cidade está vazia, as crianças francesas estão brincando com seus presentes, é hora de aproveitar da magia de Natal no mundo encantado. Todos os anos esse é o momento indicado para a venda desse produto. Idem para o dia 1° do ano e pela mesma razão. A visita a Disney é sempre muito divertida, basta lembrar que não estamos na Florida e aqui é importante se agasalhar. E, justamente devido ao friozinho, sugiro a realização do passeio com o transporte, garantindo assim conforto e bom aproveitamento do dia por parte dos turistas. Além disso, durante o percurso os motoristas costumam dar todas as dicas e ensinar truques úteis. Enfim, vir a Paris e ir a Disney é como realizar dois sonhos em um. Veja as imagens do Natal da Disney e confira você mesmo.

Luzes, mercados, lindos castelos, presentes promocionais e boa comida são algumas das delícias que garantirão aos brasileiros um Natal inesquecível na cidade luz. Fica a dica e meus votos de um excelente Natal para vocês queridos leitores.

FELIZ NATAL! MUITAS ALEGRIAS

JOYEUX NOEL !