De volta às experiências

Em 2020, quando tudo parou por conta da pandemia, o que você imaginou que estaria fazendo em 2021? Mais de um ano e meio depois?

Eu não imaginaria que demoraríamos tanto para voltar a fazer coisas tão triviais, mas no decorrer dos últimos meses, também não imaginava que eu estaria vivendo o que vivi nas últimas semanas de uma maneira tão intensa.

Nós, que trabalhamos com viagens, sabemos que nosso real papel é vender experiencias e que ele ganha mais qualidade quando comunicamos ou tentamos passar as sensações de algo que realmente vivemos.

Pois é, foi o que aconteceu por aqui. Em outubro, tivemos alguns eventos presenciais, como a Abav Expo & Collab e, no final do mês, o encerramento do Movimento Supera Turismo.

Pegar um voo com objetivos profissionais, caminhar pelos corredores de uma feira, rever amigos e parceiros, fazer apresentações e networking presenciais, testar, na prática, como estão os protocolos da retomada dos eventos e do turismo. Meus  amigos, revivi tudo isso e, confesso, parte de mim renasceu de maneira imensa.

Participar da abertura da Abav Expo & Collab com plateia cheia, encontrar vários amigos, conhecidos e pessoas que simplesmente me cumprimentavam e me chamavam pelo nome, mesmo sem nos conhecermos, foram momentos de renascimento, que estavam presos no peito há, pelo menos, 20 meses.

Mas as experiências ganharam o mundo! No mesmo mês, embarquei para  o Egito. No aeroporto encontrei um operador associado à BRAZTOA, que estava a caminho de Dubai com um grupo. Foi muito bom ver que o normal está voltando.

Já em Dubai, aguardando minha conexão para o Cairo na sala de embarque, nos sentamos ao lado da dona de uma agência de viagens que também ia para o Egito. Segundos depois, senti um tapinha no ombro e, para minha surpresa, outro operador BRAZTOA indo para o Egito com o filho. Realmente encontrar amigos e ver o turismo vivo foi de grande alegria.

Ao chegar no Cairo, tive a oportunidade de ver e sentir como são os protocolos sanitários, que, acredito, ainda ficarão por um tempo. Tudo muito burocrático, mas que por outro lado, oferece ainda mais segurança aos viajantes. E veio uma outra certeza absoluta: o papel do especialista em viagens é, mais do que nunca, absolutamente crucial para apoiar qualquer viajante frente a este novo panorama de regras e cuidados.

Enquanto isso, na cidade, entre muitas experiências surpreendentes e agradáveis, fui surpreendido por muitas pessoas sem máscara e, dependendo do local, como o mercado All Khalili, observei aglomerações. Me senti “um estranho no ninho”, mas pude viver na pele o que tanto falamos por aqui: os protocolos dependem das ações individuais para que tenham sucesso. Eu fiz a minha parte.

Em seguida, fizemos um cruzeiro sobre o Rio Nilo, uma experiência fantástica, com início em Luxor e final em Assuan. Visitamos templos, monumentos e o Vale dos Reis.

Mas não pensem que parou por aí. A viagem foi intensa e, no dia 15 de outubro, comemorei meu aniversário em pleno Egito, sobre o Rio Nilo, com direito a bolo e Festa Egípcia surpresa, organizada pela minha operadora e pelo nosso receptivo local.

Depois, fui para Dubai e participei da EXPO, que vai até Março de 2022. Uma feira fantástica, onde 192 países apresentam o que têm de melhor e quais são os seus planos para futuras tecnologias

Minha intenção não é fazer um diário. Nós, profissionais do turismo, colocamos um pouco de nós e das nossas paixões em cada roteiro que criamos, em cada sonho de viagem que realizamos. Isso é compartilhar!!

Por isso, quis dar detalhes dessas reconquistas vividas em tão pouco tempo, mas que, além de terem sido transformadoras, me trouxeram aquele ar de que as coisas estão fluindo novamente.

Quanto mais energizados e motivados estivermos, melhor. Viver tudo isso me trouxe insights, abriu portas e trouxe luz para tudo que ainda está por vir. Eu me inspirei e quero, com isso, te inspirar.

É muito bom voltar!

Published by

Roberto Haro Nedelciu

Roberto Haro Nedelciu trabalhou por 26 anos em uma empresa automotiva multinacional, no departamento de Tecnologia da Informação e já viajou para 80 países. Engenheiro Industrial Mecânico, com MBA em Gestão Empresarial na Fundação Getúlio Vargas, além de sócio da Raidho Viagens, foi também diretor de Tecnologia e vice-presidente da BRAZTOA, entre 2015 e 2019, até assumir a presidência do Conselho de Administração da entidade para o biênio 201/2021. Com espírito aventureiro, tem como hobby o motociclismo e o montanhismo, já subiu até o Campo Base do Everest (Nepal), Kilimanjaro (Tanzânia), Chimborazo (Equador) e o Monte Kota KinaBalu (Malásia).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *