Quem quer convite para o Club House?

E como num passe de mágica, temos uma nova rede social queridinha. Segundo o público, quem quer estar no “hype” tem que fazer parte do Club House, uma mistura de bate-papo UOL, com podcast, mas só pra quem tem IPhone, pois ainda não existe suporte para outro sistema que não seja o IOS.

Pra quem não sabe, o Club House é uma rede social voltada para a troca de ideias e debate via salas de áudio. Nada de foto, vídeo ou correntes de fake news compartilhadas. Apenas salas onde as pessoas se reúnem e conversam sobre temas diversos. 

Não se sabe quanto o CH vai durar no “hype”, na última semana o Facebook anunciou que está estudando inserir uma ferramenta de áudio em sua plataforma, o que poderia abalar a jovem rede.

O que vemos são diversos influenciadores invadindo o Club para promover suas ideias. Fora isso, vale acompanhar a movimentação das marcas, que até agora não tiveram espaço para entrar nesse ambiente ainda “puro”. O que vemos são seus CEOs, líderes e profissionais, entrando em debates e levando o nome de suas corporações à frente.

Enfim, seja de maneira relâmpago ou a longo prazo, quem gerar conteúdo agora na rede Club House, tem a oportunidade de “surfar na onda” do sucesso da plataforma. Portanto, se você tiver a oportunidade de entrar e representar sua marca, não hesite, pois, fazendo direito, mal não vai lhe causar.

Mas, e no Turismo?

Já existem algumas salas sendo formadas, mas sem muita recorrência, por profissionais de marketing e do trade turístico para falar dos desafios do segmento em meio à pandemia. Porém, ainda não vi a força dos players do turismo usando a rede de forma massiva. Mais uma falha do nosso meio.

E aí, vai um convite?

Published by

Gustavo Ellero

Gustavo Ellero é Jornalista, especialista em Branded Content pela ESPM e acumula experiências em Marketing, Branding e Empreendedorismo. Fundou sua primeira empresa no ramo da comunicação em 2009, atualmente é co-fundador da INSANE Estratégia e Comunicação e co-fundador do portal de turismo Mochilaí. Em 2015, foi eleito o melhor profissional de conteúdo e o mais votado do Prêmio ABC da Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *