Fórum Panrotas, momentos para aprofundar e parabenizar…

Sei que estou meio em falta com o blog, mas os 2 motivos são ótimos: férias + muito trabalho! E nada melhor do que voltar à ‘programação normal’ com o Fórum Panrotas. Como sempre, muito bem organizado, e com conteúdo super atualizado. E mesmo não conseguindo ficar o tempo todo, acompanhei as palestras pelo Facebook ao vivo. ‘Smart move, guys!

Abaixo destaquei 2 momentos em que gostaria de ter aprofundado o assunto. Logo depois, as frases que valeram o evento:

  • Momento 1: Painel de Hotelaria com Presidentes da ABIH, ABR, FBHA e FOHB.
  • O que foi falado:Precisamos da liberação de vistos, reforma trabalhista, melhor divulgação da Embratur, tributação para Airbnb, Airbnb, Airbnb, Airbnb, etc.
  • Para aprofundar o assunto:
    1. O aluguel de quartos através do Airbnb pelos proprietários é uma questão séria para muitas administradoras. Convenções e contratos antigos não previram essa disrupção, e isso está corroendo a estratégia comercial de muitas marcas. Qual a solução no curto ou médio prazo?
    2. Retenção de clientes e gestão dos custos da distribuição direta e indireta são os assuntos mundiais da hotelaria. O quanto esses 2 tópicos estão presentes no dia a dia do hoteleiro brasileiro?
    3. E quando (se…) o Airbnb começar a distribuir hotéis oficialmente? Qual será o discurso da hotelaria?

Obs.: Só eu fiquei morrendo de vontade de convidar o CEO do Airbnb no Brasil para esse painel?  Ficaram até em dias separados…

Brincadeiras à parte, muito bom ver essas entidades falando sobre o assunto. Durante anos participei de eventos hoteleiros no exterior onde a pauta principal era essa, e por aqui parecia que o Airbnb não existia.

=======

  • Momento 2 : Palestra AirbnbLeonardo Tristão – CEO Airbnb Brasil
  • O que foi falado: “…….” – A apresentação foi sobre o quanto o Airbnb é legal, como surgiu e como funciona. Entendo o quanto aquele ambiente poderia ser um tanto ‘hostil’, e talvez eu também optasse por uma palestra institucional. Fiquei morrendo de vontade de perguntar tantas coisas…
  • Para aprofundar o assunto:
    1. Como estão os planos para a comercialização de entretenimento, tours e…até vôos? Com o lançamento do Trips (clique aqui para ver reportagem em inglês de Nov/16), o Airbnb entra mesmo para a concorrência com OTAs, e completa seu plano de 2014 para se tornar a ‘agência de viagens do futuro’ (lei aqui meu post ‘Airbnb se reinventa para ganhar o mundo’ de 2014)?
    2. Será que o DNA do Airbnb é mesmo vender experiências, ou será que estamos falando de diferencial por preço? Suas tarifas variam de 6% à 17% abaixo da diária média da hotelaria americana e européia. Quais os números do Brasil?
    3. O share do Airbnb com o segmento corporativo foi 12% em 2015, 18% em 2016 e previsão de 23% em 2017. Até então, as grandes redes não entraram para valer nessa briga, pois vocês não estão mexendo com os 70% dos viajantes corporativos do mercado. Sabemos que os travel managers anseiam por mais opções, e vocês querem ampliar essa fatia de mercado. O que está sendo feito para resolver questões de pagamento e segurança?

Fora as provocações, sou fã do modelo de negócios do Airbnb, e acredito que ainda veremos muitas novidades.

=======

FRASES QUE MERECEM :

  • Frase 1 : “Com todo o dinheiro que invisto em marketing, quem dera as pessoas fechassem comigo. Mas muitas vezes elas pesquisam no meu portal e vão comprar na cia. aérea ou hotel. Quem decide é o cliente, não adianta culpar a OTA. Quando ele chega no hotel, eu não tenho mais controle sobre ele.” André Alves (Decolar.com)
  • Frase 2: “Para ter um negócio, tem que ter estratégia. Para ter estratégia, tem que ter posicionamento. Falta posicionamento. O hotel é detentor do seu preço. Ele decide por onde quer se distribuir. Estamos educando o cliente errado. A tarifa média é um absurdo. Temos que aprender a vender! A paridade é importante até o capítulo 2″. Luis Paulo Luppa (Trend) — Concordo, leia meu post sobre Paridade AQUI)
  • Frase 3: “A hotelaria precisa falar mais do cliente final, e na sua retenção.” Marcelo Bicudo (AllPoints) — Como diz Sebastien Bazin (CEO da Accor) – leia o post  ‘A Hotelaria está dormindo há 15 anos‘ – tudo bem a OTA te trazer um cliente novo, mas se ele faz a segunda reserva ainda por um intermediário, o problema está com você, que não sabe reter clientes.
  • Frase 4: “Nada proporciona mais benefício para o consumidor do que a concorrência. O regime de liberdade tarifária é a base do capitalismo. E ele é que permitiu a existência da Gol.” Sérgio kakinoff (Gol). — Antes de julgar, ser contra ou a favor da cobrança de bagagens, clique AQUI e veja o que acontece no mundo, e como as cias. aéreas atuam. Obs.: como consumidora, claro que não quero pagar mais, mas entendo perfeitamente a lógica comercial por trás desse movimento.
  • Frase 5: “Estejam em mais canais.” Nate Huff — Perfeito Nate, mas é preciso ‘saber estar’!
  • Frase 6 (a melhor do evento, na minha opinião) : “Precisamos frear o intervencionismo estatal, avançar com a privatização, e acabar com essa ideologia socialista, bolivariana, que tomou conta do Brasil nos últimos anos. Para resolver, é preciso MENOS ESTADO.” Carlo Kawall (Banco Safra) —-Fiquei sem graça de aplaudir de pé, mas a vontade era essa!

Não, não tem frase do Ministro do Turismo…sorry!

Parabéns equipe Panrotas, Imaginadora, R1 e todos os envolvidos! Arrasaram!!!


Leia também:

Não existe desconto na Hotelaria

Como lidar com a nova realidade da Distribuição

Vou para a concorrência, tchau!

Postagens relacionadas

Published by

Gabriela Otto

Gabriela é formada em Comunicação Social pela PUC/RS, Pós em Marketing pela ESPM, MBA Executivo pela FAAP/SP, Leader Coach (Personal e Professional) pela Sociedade Bras. de Coaching, além de inúmeros cursos de qualificação profissional, incluindo 2 certificações internacionais como Leadership Development Trainer e Business Impact Leadership Facilitator. Tem mais de 20 anos de experiência em empresas de grande porte como Caesar Park, InterContinental, Sofitel Luxury Hotels e Worldhotels, sendo a executiva responsável pela divisão América Latina nas duas últimas, o que lhe deu profundo conhecimento sobre gestão de pessoas, luxo e comercialização hoteleira. Além de CEO da GO Associados desde 2010, aceitou o convite para ser Presidente da HSMAI Brasil (Hospitality Sales and Marketing Association International) em 2014, é a principal Palestrante sobre Turismo de Luxo do país, Professora da Educação Executiva da ESPM, Criadora de renomados cursos como “Gestão e Estratégias do Turismo de Luxo” e “Revenue Management e Distribuição Hoteleira”, Articulista de diversos sites, e Blogueira desde 2008.

2 thoughts on “Fórum Panrotas, momentos para aprofundar e parabenizar…

  1. Gabby, minha querida, belamente escrito. Tenho acompanhado seus postings de longe, aqui de dentro do Pantanal, e cada vez melhor você me surpreende. Parabéns pela imparcialidade das opiniões e pelos fatos dos assuntos. Você nos enche de informação nova e nos apresenta as diversas opiniões de forma coerente e direta. Um beijão. Marco Jorge

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *