As Verdadeiras Preocupações dos Hoteleiros de Luxo

O último levantamento da BLLA (Boutique Lifestyle & Lodging Association) publicado recentemente, mostra os hoteleiros de luxo otimistas em relação ao futuro dos negócios.

Mas esse otimismo tem fundamento ou é um pouco exagerado?

A questão é entender se suas vantagens competitivas (design, serviços, estilo, etc) realmente tem espaço em um mercado cada vez mais lotado de marcas.

Captura de Tela 2016-06-16 às 01.52.45                                                                       Hotel Baccarat New York

O estudo revelou que realmente os hoteleiros de luxo não estão preocupados com Airbnb, OTAs ou grandes marcas. As preocupações desses executivos hoje em dia são:

  • Mudança de comportamento do cliente (67%)
  • Aumento dos custos de folha de pagamento.
  • Vendas e marketing.
  • Encontrar o local certo para suas propriedades.

    Conheça os destaques da Boutique Hotel Investment Conference, que ocorreu dia 08 de Junho :
    Sem Título
  1. Sobre sua maior concorrência: 66% outros hotéis independentes / 41% afiliações como Preferred, Leading, Worldhotels, etc. / 25% Airbnb.       
  2. Não vêem grandes marcas como ameaça.  Nós representamos a escolha de algo diferente e único. Eles estão começando a cortar a torta em fatias muito finas entre algumas marcas, e o consumidor não está mais vendo diferença”, diz o diretor de um dos hotéis boutique entrevistados.
  3. Hotéis que foram adquiridos por marcas como Autograph da Marriott ou Curio by Hilton, ainda procuram ser autônomos, e se diferenciar seus hotéis através da formação de pessoas.
  4. A maioria dos hoteleiros ‘boutique’ acha que os próximos 12 meses serão estáveis (59%), enquanto  24% está otimista, e 17%, pessimista.
  5. 66% planeja expandir seus negócios nos próximos 6 à 12 meses.
  6. Sua maior preocupação é o aumento na folha de pagamento (77%), seguido pelos custos de distribuição (25%).
  7. 59% disseram que a maioria das suas reservas são feitas diretamente (site do hotel ou seu depto. de reservas). Apenas 18% admitem que a maior quantidade de reservas é proveniente de OTAs.
  8. Hoteleiros de luxo estão prestando atenção nas suas vendas, marketing e mídias sociais.  Eles põem mais fé no Facebook e Instagram (26%).
  9. Apenas 33% dos entrevistados participam de um programa de fidelização de clientes.
  10. A maioria (22%) acredita que a localização de seus hotéis lhes dá uma grande vantagem competitiva em relação a outros hotéis.

Concorda com os tópicos do estudo? Acredita que os números mudariam se considerássemos a realidade brasileira?

Se você é hoteleiro de luxo, está tão otimista quanto os executivos pesquisados?

Deixe seu comentário.

Clique AQUI para ver o programa do evento e o estudo original.

======

Leia também:

O Futuro dos Hotéis Boutique

Definições de Hotéis Boutique by BLLA

Estudo revela preferências do Hóspede de Luxo

Published by

Gabriela Otto

Gabriela é formada em Comunicação Social pela PUC/RS, Pós em Marketing pela ESPM, MBA Executivo pela FAAP/SP, Leader Coach (Personal e Professional) pela Sociedade Bras. de Coaching, além de inúmeros cursos de qualificação profissional, incluindo 2 certificações internacionais como Leadership Development Trainer e Business Impact Leadership Facilitator.

2 thoughts on “As Verdadeiras Preocupações dos Hoteleiros de Luxo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *