Quem era Eraldo para mim

Hoje nos despedimos de um grande amigo que se foi, Eraldo Alves. Nossos corações ficam apertados, e fica a lembrança daquele olhar terno e dedicado a todos e a tudo. Quem foi Eraldo para mim? Difícil sintetizar…

1 – Homem de grande gentileza, sempre atento aos mínimos detalhes das pessoas que o cercavam. Sempre tinha gestos e palavras que emanavam muito respeito e grande empatia;

2 – Líder que deixou marca na indústria de turismo do Brasil. Sua atuação na hotelaria marcou época somando esforços e construindo caminhos de união e fortalecimento do setor. Na CNC era um maestro que trazia todos ao mesmo patamar de atuação e grandeza de espírito;

3 – Guerreiro forte e corajoso ao enfrentar sua doença. Deixou mensagem de paz, amor e gratidão pela vida. Exemplo de resistência e determinação quando abordava as dificuldades. Uma fé inabalável;

Querido Eraldo, obrigada por todas as palavras de apoio e delicadeza que sempre nos brindou. Obrigada por fazer de nossa indústria do turismo um lugar melhor porque contou com suas mãos junto às nossas. Tenho a maior honra de ter sido sua amiga. Fique em paz querido amigo. – Jeanine Pires

Mais sobre o Eraldo aqui.

Published by

Jeanine Pires

Palestrante e consultora apaixonada pelo turismo com 25 anos de experiência no Brasil e no exterior. Diretora da Pires Inteligência em Destinos e Eventos e Diretora da MATCHER, sua especialidade é marketing de destinos, tendências em turismo e o segmento de eventos. Presidiu a EMBRATUR de 2006 a 2010, onde também foi Diretora de Turismo de Negócios e Eventos desde 2003. Já atuou como Presidente do Conselho da Fecomércio São Paulo e da WTM Latin America.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *