Lavar roupa suja em casa

Isso mesmo, é em casa que se lava a roupa suja e não na frente das visitas.
Vai ter Copa, fato. Uns discordam, outras falam sem saber e todos devem opinar, protestar, reivindicar, mas vamos fazer isso entre nós.
A oportunidade que o turismo brasileiro tem e terá nos próximos dias, de receber mais de 500 mil estrangeiros, de ser visto por bilhões de espectadores é, junto com os Jogos Olímpicos, a única no século. Da mesma forma, muitas das obras que foram ou estão sendo realizadas são necessárias para o desenvolvimento de nosso país, não foram feitas para a Copa somente.

Vivemos numa democracia, precisamos de mais seriedade, queremos governantes éticos e todos têm o direito de protestar (pacificamente) sobre qualquer tema, afinal vivemos numa democracia.
Mas enquanto os holofotes do mundo estão sobre nós, vamos ser genuínos, colocar o melhor de nós, de nossa hospitalidade, de nossa cultura, de nossas belezas naturais e de nosso povo para receber o mundo.
A Copa não volta tão cedo, e nós, brasileiros, continuaremos a construir a democracia em nosso país por muitos anos.

Published by

Jeanine Pires

Professora e empresária, tem 19 anos de experiência em turismo e eventos. Diretora da Pires & Associados e da MATCHER Travel Business.Suas principais atividades são a realização de Planos de Marketing de Destinos Turísticos e palestras no Brasil e no exterior. Presidiu a EMBRATUR de 2006 a 2010, onde também foi Diretora de Turismo de Negócios e Eventos. Liderou o trabalho de promoção do Brasil como destino turístico no exterior, os programas de captação de eventos internacionais e a agenda de promoção do Brasil de 2003 a 2010. Participou da elaboração do Plano Aquarela - Marketing Turístico Internacional do Brasil em 2005 e também coordenou sua versão para 2020. Nos Convention & Visitors Bureaux de Maceió e Recife como diretora executiva, desenvolveu os programas de marketing de lazer e eventos para aquelas cidades entre 1997 a 2002. Esse blog reflete opiniões pessoais e não tem qualquer vínculo institucional

6 thoughts on “Lavar roupa suja em casa

  1. Concordo com tudo. Roupa suja se lava em casa, e olha que temos roupa pra caramba, haja lavanderia! Só fiquei confuso com as tais das obras que são necessárias para o desenvolvimento do nosso país! Que obras? As que levam o metrô até os estádios? As que melhoraram o atendimento dos hospitais? As que facilitaram mobilidade urbana? As que darão mais segurança a nós depois da Copa? Que obras? Ou os confortáveis estádios que abrigarão os esquálidos e pobres campeonatos regionais?

    Um abraço

    1. Caro Rui,
      Sempre fui a favor da Copa e dos Jogos Olímpicos porque sei de sua importância para o turismo de um país. Nunca achei que fazer esses eventos seria a solução dos problemas sérios do Brasil. A Copa e os Jogos Olímpicos são uma plataforma para a imagem de um país, se esse país aproveita ou não essa oportunidade é outro debate.
      Para as obras, elas precisam ser feitas, não para a Copa, mas para o Brasil. Exemplo: Estou fazendo um trabalho em BH, e acompanhei a obra do BRT que liga o centro da cidade até a periferia. No Rio de Janeiro vejo as obras do metro. Vi obras em Recife, em Fortaleza e outras cidades. Umas estão prontas, outras atrasadas, outras não foram feitas. Vejo que já existe um legado para as cidades.
      Vários profissionais de turismo estão sendo treinados por suas empresas ou por outros programas de capacitação.
      E estou totalmente de acordo com você, precisamos de muitas melhorias na saúde, educação e diversas outras áreas. Mas não vejo que isso tenha a ver com a Copa. E fico ainda mais feliz em ver tantos brasileiros se mobilizando e falando das melhorias e mudanças que nosso país precisa.
      Obrigada pelo comentário
      Jeanine

  2. Prezada Jeanine

    Na minha opiniao todas as justificativas para sediar um evento desse porte podem ser importantes porem ja esta sendo divulgado na imprensa internacional a insatisfacao da populacao em questoes muito basicas, como transporte, saude e educacao.

    Nossa infra-estrutura nao foi planejada e a execucao das obras seguem a passos de tartaruga e devemos ter consciencia que nao fomos capazes de deixar nossa casa em ordem para receber os visitantes.

    Nao existe como justificar tudo o que estamos vendo com um olhar positivo pois somos hoje a 6a. economia mundial e estamos muito mal colocados e desacreditados em varios aspectos.

    Hoje temos mais consciencia e democraticamente podemos exigir mais.

    1. Verdade Fernando, muito provavelmente quando temos a oportunidade de nos expor ao mundo somos vistos por aspectos positivos e negativos; e o que está acontecendo no Brasil está sendo divulgado pela imprensa internacional.
      Espero que os rumos de nossa democracia também avancem com a maior consciência e participação dos brasileiros.
      Obrigada pelo comentário.
      Jeanine

  3. Difícil imaginar que os brasileiros vão por uma cortina, acobertando tudo isso que estamos vendo, desde 2007, quando recebemos a “missão” de fazer uma copa do mundo (a Copa das Copas??!!). Precisamos, todos, ter consciência de que o problema do nosso povo não é, especificamente, o Brasil não fazer feio para os estrangeiros que nos visitarão durante os trinta e poucos dias de uma Copa do Mundo. Esta foi e está sendo ainda preparada pela e para a FIFA, a CBF e, por extensão, ao “governo” que está maltratando o sofrido povo (refiro-me objetivamente aos que trabalham para e pelo Brasil).
    O verdadeiro problema é, nada mais nada menos, esse “governo” continuar a fazer feio para os próprios brasileiros O ANO INTEIRO !!

    1. Oi Olavo, não imagino nem acho que será posta uma cortina, ou que não temos que enfrentar todos os problemas do Brasil, sempre. Minha opinião é de que a Copa traz visibilidade internacional ao Brasil, e que o turismo enquanto atividade que gera empregos e divisas deveria aproveitar essa oportunidade para mostrar seus atrativos naturais e culturais para o mundo.

      Obrigada pelo comentário.
      Jeanine

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *