Fornatur: carta aos presidenciáveis

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em sua carta aos candidatos à presidência de 2018, o Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo, o Fornatur, busca deixar claro a importância do turismo para o desenvolvimento do país. Para isso, o texto começa explicitando os efeitos negativos que um mau desempenho no segmento turístico pode gerar na balança comercial, e traça um comparativo entre o impacto econômico do turismo no Brasil e em outros países da América Latina.

Gráficos ajudam a mostrar a desproporcionalidade entre o potencial turístico do país e os investimentos feitos no setor. O Brasil que, segundo o Fórum Econômico Mundial, ocupa o primeiro lugar em atrativos naturais, se encontra na 126º posição no quesito priorização do turismo pelo governo. E para atrair a atenção dos presidenciáveis para essa questão, o Fornatur apresenta dados sobre a influência positiva desta área no país, principalmente como segmento fundamental na geração de empregos.

Distribuída em quatro eixos estratégicos (governança, infraestrutura, produtos e promoção), a proposta é apresentada. Sendo cada um desses pontos exibidos através de uma série de demandas, ações e objetivos que possuem a finalidade de traçar um caminho para uma melhora substancial do setor. Entre os pontos apresentados estão: aumentar o orçamento do Ministério do Turismo, efetivar a implantação do Plano Nacional de Turismo (2018-2022), melhorar a estrutura dos portos e aeroportos nacionais, ampliar o visto eletrônico e a dispensa do visto para mercados estratégicos e fortalecer a rede de inteligência de mercado turístico (RIMT).

(Veja aqui o post com as propostas da CNC: https://bit.ly/2wIFJFJ)

Published by

Jeanine Pires

Professora e empresária, tem 19 anos de experiência em turismo e eventos. Diretora da Pires & Associados e da MATCHER Travel Business.Suas principais atividades são a realização de Planos de Marketing de Destinos Turísticos e palestras no Brasil e no exterior. Presidiu a EMBRATUR de 2006 a 2010, onde também foi Diretora de Turismo de Negócios e Eventos. Liderou o trabalho de promoção do Brasil como destino turístico no exterior, os programas de captação de eventos internacionais e a agenda de promoção do Brasil de 2003 a 2010. Participou da elaboração do Plano Aquarela - Marketing Turístico Internacional do Brasil em 2005 e também coordenou sua versão para 2020. Nos Convention & Visitors Bureaux de Maceió e Recife como diretora executiva, desenvolveu os programas de marketing de lazer e eventos para aquelas cidades entre 1997 a 2002. Esse blog reflete opiniões pessoais e não tem qualquer vínculo institucional

3 thoughts on “Fornatur: carta aos presidenciáveis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *