52 lugares para visitar, segundo NY Times

The New York Times fez elaborou lista de destinos para visitar em 2018

Tido como o jornal mais influente do mundo, o americano The New York Times divulgou sua lista anual de 52 destinos que estão em alta para visitar em 2018.

A lista é formulada a partir de centenas de contribuições de colaboradores do tablóide, dos quais muitos são residentes dos países indicados. Além da diversidade cultural e geográfica, importantes pontos para seleção dos lugares, a escolha para 2018 também levou em conta grandes eventos como os Jogos Olímpicos de Inverno (na Coreia do Sul) e inauguração de grandes redes hotéis ou empreendimentos em destinos (como a estreia do Six Senses no Butão).

A América do Sul aparece 3 vezes na lista, com indicações para Colômbia, parques e reservas nacionais do Chile (Route of Parks) e La Paz, na Bolívia. A última vez que o Brasil apareceu na lista foi em 2014, com a recomendação de Fernando de Noronha, em Pernambuco.

Confira os dez primeiros colocados da versão de 2018:

  1. New Orleans, EUA
  2. Colombia
  3. Basilicata, Itália
  4. Caribe
  5. Vierwaldstättersee, Suíça
  6. Route of Parks, Chile
  7. Gangwon, Coréia do Sul
  8. Cincinnati, EUA
  9. Butão
  10. Glasgow, Escócia

O viajante da lista

Pela primeira vez, o The New York Times também selecionou um viajante para receber o trabalho dos sonhos: passar por todos os destinos da lista relatando para o jornal a sua vivência. O periódico recebeu mais de 13 mil currículos para a seleção, especialmente de jornalistas interessados no trabalho.

A viajante escolhida, a americana Jada Yuan, passará por todos os 52 destinos durante o ano de 2018, começando pelo primeira cidade da lista, New Orleans.

Para ver a lista completa acesse 52 Places to go 2018.

Veja também a matéria completa do The New York Times.

Published by

Jeanine Pires

Professora e empresária, tem 19 anos de experiência em turismo e eventos. Diretora da Pires & Associados e da MATCHER Travel Business.Suas principais atividades são a realização de Planos de Marketing de Destinos Turísticos e palestras no Brasil e no exterior. Presidiu a EMBRATUR de 2006 a 2010, onde também foi Diretora de Turismo de Negócios e Eventos. Liderou o trabalho de promoção do Brasil como destino turístico no exterior, os programas de captação de eventos internacionais e a agenda de promoção do Brasil de 2003 a 2010. Participou da elaboração do Plano Aquarela - Marketing Turístico Internacional do Brasil em 2005 e também coordenou sua versão para 2020. Nos Convention & Visitors Bureaux de Maceió e Recife como diretora executiva, desenvolveu os programas de marketing de lazer e eventos para aquelas cidades entre 1997 a 2002. Esse blog reflete opiniões pessoais e não tem qualquer vínculo institucional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *