Destination ou destiny

DESTINATION, seu destino, o lugar aonde você está indo. Você sai de sua cidade de moradia para trabalhar, participar de um congresso ou feira, tirar férias, descansar, ficar com a família, ir à praia. Ou ainda, você faz um tratamento de saúde, uma peregrinação. Enfim, você sai de casa e vai ser um morador temporário em outra cidade ou país por diversos motivos. Você é um turista se dormir pelo menos 1 noite e até 1 ano nesse lugar.

DESTINY, o que vai acontecer no futuro com você, algo que você não controla ou que não pode mudar por vontade própria. Uns acreditam, outros menos… Seu destino é você que constrói também não? Suas atitudes, metas, planos, opções de vida. Afinal nem tudo é tão solto ou imprevisível se você traça rumos e faz opções baseadas em seus valores e desejos de estilo de vida.

Esse pequeno trocadilho é somente para uma reflexão. Será que estamos somente vendendo ou promovendo uma feira, uma praia, uma visita, um tour, um hotel, uma paisagem para uma fotografia ? Ou deveríamos vender tudo isso e ainda, um tempo com seus filhos, alguns dias de namoro com sua esposa ou com seu namorado, dias de sol que recarregam as energias, cachoeiras que limpam a alma, florestas que silenciam a alma, uma cultura muito diferente da nossa, uma experiência que vai me transformar ?

Por que seu destino é escolhido ?

Afinal quando estamos falando de marketing de destinos turísticos temos que responder a essas perguntas: o que só seu destino tem? Quais seus diferenciais? Seus valores únicos?
Não é uma tarefa fácil, sobretudo porque hoje não são os destinos que falam sobre si, são os viajantes, os turistas. Também não é um problema do destino ou dos governos, é um desafio para todos os atores do negócio.
É o resultado da experiência dos turistas, suas imagens, vídeos, comentários, críticas, vivências e sonhos que se transformam em publicidade do destino.
O papel do setor público e dos empresários? Conteúdo, conteúdo e conteúdo. Deixar à disposição dos viajantes todo tipo de informações, detalhes, dicas e desejo de visitar seu destino como forma de prover todas as condições para que, ao buscar informações, os turistas encontrem o que procuram.
Tarefa complexa que exige estratégia, recursos humanos e financeiros, além de muita parceria entre gestores públicos e empresários.